Como aprender cartonagem

Como aprender cartonagem é um dos temas mais buscados na internet quando o assunto é artesanato.

A Cartonagem é um artesanato que está muito em alta e, mesmo sendo uma técnica antiga, o seu reconhecimento e crescimento é de uma data mais recente.

O tema em questão, como aprender cartonagem, gera muitas dúvidas, principalmente na hora de dar o ponta pé inicial e saber por onde começar. Diante disso, este artigo visa oferecer um caminho mais claro e facilitar o acesso do artesão nesse mundo maravilhoso da cartonagem.

A internet veio com tudo nos últimos anos e, com ela, o excesso de informações podendo ser verídicas (ou não) e facilitadoras de algo (ou não).

No caso da cartonagem, encontramos muita informação espalhada pela internet gratuitamente que ensina o famoso “how to make”, ou melhor, o “como fazer”.

Isso sim, é extremamente importante, no sentido que dá condições para o aperfeiçoamento do artesão e ajuda a complementar os seus estudos. Mas agora me preocupa uma questão: Será que esse turbilhão de conteúdos disponibilizados e mistura de técnicas oferece, de fato, condições de um iniciante se desenvolver com facilidade?

Diante disso, a questão é: como aprender cartonagem?

Você já parou para pensar sobre isso?

Caso não, a ideia aqui é que pensemos em conjunto para facilitar o seu acesso nesse mundo  de possibilidades que é a cartonagem.

Ao iniciante que deseja saber como aprender cartonagem pode ser muito frustrante o fato de procurar se desenvolver na área e encontrar materiais que não estejam completos, que ofereça uma base lógica para o início, bem como para os passos seguintes, que não estimulem a autonomia na produção, não ter suas dúvidas esclarecidas no momento em que mais precisa, entre outras situações que não agregam valor para qualquer tipo de aprendizado.

Imagine como é confuso para quem está dando os primeiros passos entender conceitos que raramente são explicados nos diversos materiais, como medição, projeção, corte, alinhamento, etc.

Outra situação é que, além de não ter o entendimento de tais processos citados, alguns materiais passam por edição e, por serem oferecidos de forma gratuita, não há tanta preocupação em ser refeito para oferecer o total sobre o que deveria ser explicado, lamentável, mas é bastante compreensível. Gravar vídeos,  editar, elaborar artigos, PDFs, dentre outros, gastam tempo e o tempo não deixa de ser uma moeda, uma vez que a dedicação para produzir algo gratuito implica em deixar de fazer algo para manter as suas contas em dia.

É importante mencionar que é possível sim aprender cartonagem com conteúdos gratuitos disponibilizados na internet, mas não se trata, porém, do caminho mais fácil.

Hoje, com mais clareza, é possível entender que a cartonagem é algo bem recompensador como meio de vida, como meio de reconhecimento e de independência financeira e, como toda atividade que te levará a um aprendizado para o resto da vida, a forma mais segura para o aprendizado é o investimento em cursos que te oferecem toda a base de desenvolvimento e ainda te dar total suporte para sanar as suas dúvidas. Se você estiver em mente que deseja ter um negócio rentável, seguramente você nunca irá pensar que pagar um curso é um gasto, mas sim um investimento no seu negócio. Esclarecendo, o investimento te dá retorno financeiro, os gastos não! Essa proposta irá te guiar pelo caminho mais fácil, bem como também te colocará lado a lado com um mentor com mais experiência no assunto, potencializando ainda mais as suas experiências no aprendizado. Pense sobre isso!

Assim como em todos os aprendizados existem técnicas que são passadas de forma fácil, como também de forma difícil, tudo é uma questão de didática e preocupação do professor com o aprendizado e compreensão de cada aluno.

(Isso me lembra muito o nosso aprendizado no colégio: O que explica uma mesma disciplina ser compreendida com facilidade quando um professor ensina e por outro não? Isso é pura questão de didática)

Saber conduzir o aprendiz pelo caminho das pedras de forma simples requer habilidade e muito tempo de prática. Se antecipar e esclarecer as dificuldades comuns a todo aprendiz requer muita sensibilidade.

Infelizmente nos materiais gratuitos não temos tanto essa dedicação 1 a 1, fazendo, dentre muitas coisas, que haja a desistência e a frustração de um sonho por parte do aprendiz.

Volto a dizer, os materiais gratuitos disponibilizados na internet podem ajudar muito, mas, mais ainda, se você usá-los da forma correta como um complemento de seus estudos em cursos que você investe. Assim você evita dificuldades dentre a mistura de técnicas, como também, economiza com desperdício de material porque você já vai direto ao ponto certo nas técnicas ensinadas nos cursos dedicados.

Resumo:

Como aprender cartonagem pela internet é algo em alta, assim, você deve usar isso a seu favor para fazer investimentos em cursos online para posteriormente complementar com os materiais gratuitos. Assim você evita confusão dentre as técnicas, desperdício de materiais, terá a base completa para aprender a produzir peças mais complexas posteriormente, etc.

Gastos e investimentos são duas coisas totalmente diferentes. Gastos não retornam para você, investimentos sim. Um exemplo, você investe hoje e terá retornos por quanto tempo quiser (para o resto da vida).

Dicas:

Como aprender  cartonagem?

como aprender cartonagemProcure conhecer o trabalho do artesão que oferece cursos, visite a sua página no facebook, site, veja a sua metodologia de ensino no youtube, chame ele para conversar inbox, whatsApp etc.

Gostou do artigo?

como aprender cartonagemClica no botãozinho abaixo e compartilha!

Quer conversar?

como aprender cartonagem Deixe o seu comentário abaixo ou me envie um email para: contato@nalynecartonagem.com.br

2 thoughts on “Como aprender cartonagem

  • Estou muito feliz com seus comentários e dicas, já estava desanimada, eu vi na cartonagem um oportunidade de renda, mas os vídeos, quase não falam de medidas só o passo a passo… Agora quero agradecer e parabenizar você. Deus abençoe.

    • Olá Antônia!

      Muito obrigada! Fico muito feliz ao ler um cometário como o seu. Isso, com certeza, me dá ainda mais estímulos para continuar a produzir conteúdos e ajudar. 🙂
      Quero te dizer que não desanime, pois todo começo é um pouco difícil, mas em pouco tempo fica recompensador e, daí, só alegria!
      Estou preparando alguns conteúdos para compartilhar e deverão dar uma boa luz para deixar o caminho mais macio de percorrer. 😉
      Conversaremos bastante ainda. 🙂 🙂

      Beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *